Qual o sentido da Páscoa para os cristãos?

Qual é o significado da Páscoa?

Páscoa é uma importante celebração da igreja cristã em homenagem à ressurreição de Jesus Cristo. Páscoa se origina da palavra em latim Pascha, que deriva do hebraico Pessach / Pesach, que significa “a passagem”.

Como é comemorado a Páscoa na religião evangélica?

Por sua vez, os evangélicos, como todos os cristãos tradicionais, dão grande importância para a Semana Santa e Páscoa. Durante a sexta-feira santa acontece um culto especial, chamado “Cantata”, onde há apresentações de teatro, música e dança. Já no domingo de Páscoa há o culto da ressurreição.

Qual o significado da Páscoa para você e sua família?

Para Clara Amaral e sua família na páscoa “Reunimos a família, agradecemos a Deus por tudo, pela harmonia e degustamos deliciosos chocolates” e para ela e sua família “a páscoa significa renascimento. Que renasça dentro de cada um de nós a paz, solidariedade e amor.”

O que a Páscoa significa para você?

A Páscoa Cristã relembra a crucificação e morte de Jesus Cristo e celebra a sua ressurreição, sendo uma das principais festas do cristianismo. … A Páscoa é uma tradicional comemoração realizada nas religiões cristãs que relembram a crucificação e morte de Jesus Cristo e celebram sua ressurreição.

O que significa a passagem da Páscoa?

Com o advento do cristianismo, a Páscoa adquiriu um novo significado, indicando a passagem da morte à vida por Jesus e a passagem a uma vida nova para os cristãos, libertados do pecado, graças ao sacrifício de Jesus.

ISSO É INTERESSANTE:  Melhor resposta: Quais são os 7 livros a mais da Bíblia católica?

Qual a importância da Páscoa para você?

A Páscoa é uma festa cristã que celebra a ressurreição de Jesus Cristo. … O cristão olha a Páscoa não apenas como uma celebração religiosa, mas como a marca da sua salvação em Cristo. Os judeus comemoravam a Páscoa para relembrar sua libertação da escravidão do Egito que é relatada no velho testamento.

Porque a gente comemora a Páscoa?

Para o cristianismo, a Páscoa conserva a ideia de libertação, mas agora com o sentido de salvação do ser humano. “Se o cordeiro simbolizava a libertação do Egito para os judeus, a crucificação, morte e ressurreição de Jesus Cristo significa a salvação para os cristãos”, explica João Leonel.