Quando usamos vírgulas em orações coordenadas aditivas?

Como usar vírgulas em orações coordenadas?

A vírgula entre as orações coordenadas

  1. Cumprimentou a todos ao chegar à empresa. …
  2. Ao chegar à empresa, cumprimentou a todos. …
  3. * As coordenadas assindéticas são separadas entre si pala vírgula: …
  4. * As coordenadas sindéticas são demarcadas pela vírgula, exceto as que integram o grupo das aditivas.

Quando utilizar vírgula diante do E em orações coordenadas aditivas?

Ora chove, / ora faz sol.

  1. Vírgula antes do e.
  2. Conjunções coordenativas.
  3. aditiva: e, nem.
  4. adversativa: mas, porém, todavia, contudo, no entanto, entretanto.
  5. alternativa: ou…ou, ora…ora, já…já
  6. explicativa: que, porque, pois.
  7. conclusiva: logo, portanto, pois.
  8. Superdica.

Quais são as regras para se usar vírgula nas orações coordenadas aditivas?

* As coordenadas sindéticas, de modo geral, separam-se entre vírgulas, exceto aquelas demarcadas pela conjunção “e”, classificadas como aditivas (ver primeiro exemplo). Ex: Ele a respeitava bastante, mas não concordava com as opiniões dela. Entretanto, há algumas exceções no que se refere às aditivas.

Como separar orações coordenadas?

# As orações coordenadas assindéticas são separadas entre si por meio da vírgula. Exemplo: O garoto chegou, guardou seus objetos, debruçou sobre a mesa sem nada dizer. # As orações coordenadas sindéticas separam-se por vírgulas, exceto as aditivas.

ISSO É INTERESSANTE:  Melhor resposta: Qual a oração para separar casal?

Onde colocar a vírgula no visto que?

A expressão visto que é, como o consulente igualmente refere, considerada como locução conjuncional causal, por vezes com sentido explicativo. A relação que se estabelece entre a subordinante e a subordinada causal é de grande contiguidade pelo que será de evitar o uso de ponto e vírgula.

Pode usar vírgula antes do e?

Usa-se vírgula antes de “e” em períodos nos quais essa conjunção liga orações com sujeitos diferentes. “Uma mão lava a outra, e a corrupção suja as duas.” … Também se usa vírgula quando o “e” equivale a “mas”. No caso, trata-se de uma conjunção adversativa (e não aditiva, como é mais comum no emprego do “e”).

Tem vírgula depois de tendo em vista?

* Tendo em vista que o período em questão se constitui pelas orações coordenadas sindéticas (as que possuem conjunção) e pelas assindéticas (as que não a possuem), a vírgula sempre está presente nessas últimas (assindéticas). Vejamos o exemplo: Parou, olhou, seguiu adiante.

São orações coordenadas Sindéticas aditivas?

As Orações Coordenadas Sindéticas Aditivas são orações sequenciadas por Conjunções Coordenativas Aditivas estabelecendo uma ideia de soma, de adição, de acréscimo a uma informação trazida na oração antecedente. Veja os exemplos a seguir: Gosto de viajar de carro e de moto.

Quando não se usa vírgula?

Quando NÃO usar a vírgula:

1) Para separar sujeito e predicado: O tapete persa (sujeito, ser de quem se diz alguma coisa) nos serviu de cama durante muitos anos (predicado, tudo o que se diz do sujeito). 2) Entre verbo e complemento: O presidente mudou (verbo) os planos de viagem (complemento do verbo).

Quais os usos da vírgula?

Quando usar a vírgula

  • 1- Separar elementos com a mesma função sintática.
  • 2- Separar orações intercaladas.
  • 3- Separar orações adjetivas explicativas.
  • 4 – Separar expressões explicativas.
  • 5 – Separar conjunções.
  • 6 – Isolar o vocativo.
  • 7 – Isolar o aposto.
  • 8 – Isolar datas.
ISSO É INTERESSANTE:  Quantos livros tem a bíblia católica e evangélica?